O seu sétimo mês de gravidez

Sétimo mês de gravidez: veja as mudanças da mãe e do bebê | MS

O seu sétimo mês de gravidez

Início » Gravidez » Gravidez Mês a Mês » Sétimo mês de gravidez: veja as mudanças da mãe e do bebê

O 7º mês de gravidez representa o período da 27ª a 30ª semana ou o início do 3º trimestre:

Junto com o passar do tempo, os organismos da mamãe e do bebê apresentam transformações.

Semana 27

Semana 28

Semana 29

Semana 30

Uma característica desse período de gestação é que já não há tanto espaço para o bebê ficar se movimentando. Isso faz com que seja mais fácil perceber seus movimentos e, em alguns casos, os chutes da criança.

Um dos principais aspectos do 7º mês de gestação envolve o tamanho da barriga. Por isso, você já pode estar sentindo fadiga e inchaço em algumas áreas.

Mas há alguns sinais e sintomas que também são frequentes:

Dor nas costas

Um dos incômodos comuns do último trimestre da gestação é a dor nas costas. Isso ocorre devido ao aumento do volume do útero, pelo crescimento do bebê.

Como consequência, pode haver uma sobrecarga da região lombar, causando dores na gestante.

É possível que, ao fazer força, a coluna provoque contraturas (quando o músculo se contrai e não volta a relaxar corretamente) em alguns grupos musculares, causando, por exemplo, a dor lombar e a dor ciática.

Insônia

Podemos classificar a insônia como um acúmulo de todos os outros sintomas. O tamanho da barriga que limita as posições para dormir, a frequência de micção que aumenta, as dores nas costas. Todos esses sintomas influenciam para alterações no sono.

Existem alguns cuidados que podem ser praticados e ajudam a minimizar os impactos na qualidade do sono.

Por exemplo, você pode evitar tomar muitos líquidos antes de deitar. Isso diminui a quantidade de vezes que sentirá vontade de ir ao banheiro.

Além disso, outra opção é fazer um repouso de pelo menos 2 horas por dia, com as pernas levantadas, apoiada na parede ou sobre um travesseiro alto.

Esse hábito diminui as chances de inchaço e melhoram o sono noturno, aliviando a sensação de peso nas pernas.

Recorrer a outros travesseiros e almofadas na cama também facilitam o processo de pegar no sono. Isso porque, aos 7 meses, você já deve estar com um barrigão que limita as posições para dormir e é nessa função que o travesseiro vem auxiliar.

É possível colocar um na cabeça, um entre as pernas e um para dar suporte à barriga.

Leia mais: Remédio natural para dormir: 6 opções de tratamento caseiro

Dificuldades para respirar

Algumas gestantes podem se queixar de falta de ar, além de dor no peito. Os movimentos vão ficando cada vez mais limitados, uma vez que o útero ocupa parte do espaço que antes era ocupado pelo pulmões.

Esse sintoma se faz presente até as últimas semanas de gestação, quando a criança se posiciona de cabeça para baixo na pélvis, na posição do parto.

Mudanças no bebê

Ao iniciar o 7º mês de gestação, o bebê deve estar pesando em torno de 2kG e com aproximadamente 40cm, equivalente ao tamanho de um repolho.

Os pulmões e narinas já estão formados, o que significa que se tivesse que nascer agora, o bebê estaria pronto para respirar. Além disso, outras mudanças podem ser percebidas tanto na estrutura física do bebê, como em suas percepções.

Mais movimentação

Em geral, o bebê se encontra mais ativo devido ao seu desenvolvimento, fazendo com que a mãe possa perceber mais facilmente os movimentos da criança na barriga.

Sensibilidade à luz

A partir do 7º mês, o bebê já consegue identificar a luminosidade, conseguindo distinguir luzes e sombras.

Aumento da gordura corporal

A partir do 7º mês, o bebê começa a ter seu crescimento mais lento. Isso porque, ele precisa focar suas energias no ganho de peso e de gordura corporal. Esse processo atua na proteção contra a diferença de temperatura entre o útero e fora dele.

Mudanças na mãe no 7º mês de gestação

As mamães de plantão percebem mudanças em seus corpos durante toda a gestação. É a pele que estica, o peito que cresce, a barriga que pesa. Aqui estão algumas das mudanças que as mães podem notar:

Preparação para amamentação

O 7º mês representa grandes mudanças físicas nas mamães. Isso porque, os mamilos irão aumentar e ficar mais escuros.

Surgimento de estrias

Neste momento da gestação, a barriga não para de crescer. Por isso, os cuidados com a pele são fundamentais. Além disso, pode haver aumento de peso, fazendo com que estrias possam ocorrer também nos seios, coxas e nádegas.

Para evitar as marcas, o recomendado é hidratar bem a pele com óleo de amêndoas ou creme hidratante.

É preciso reforçar, porém, que as estrias podem ocorrer em qualquer fase e intensidade durante a gravidez.

Leia mais: Estrias na Gravidez: tipos (vermelhas), melhor creme, como evitar?

Outra alteração física bem comum é o surgimento de manchas na pele, mais conhecido como melasma.

Isso ocorre devido às alterações de alguns hormônios como progesterona, estrógeno e MSH (melancólico). Para evitar esse tipo de incômodo, o ideal é fazer a utilização diária de protetor solar com fator 30, pelo menos.

A mulher grávida que se encontra no 7º mês de gestação deve preparar-se para o parto.

É importante lembrar de descansar em alguns momentos durante o dia, evitando fazer esforço demais.

Além disso, nesse período, é essencial cuidar da saúde e da sua alimentação, buscando orientação nutricional e suplementação, caso seja necessário.

Se você conhece alguma mulher que está grávida, compartilhe esse artigo com ela!

Источник: https://minutosaudavel.com.br/setimo-mes-de-gravidez/

▷ Sétimo Mês de Gestação | O Que a Gestante Sente?

O seu sétimo mês de gravidez

Você entrou no terceiro trimestre, a reta final da gravidez de muitas maneiras.

Sintomas Comuns No Sétimo Mês De Gravidez

Nesse estágio do terceiro trimestre, é comum sentir os efeitos da barriga cada vez maior e do progresso da gravidez. Os sintomas podem ser:

  • Dor nas costas
  • Fadiga
  • Mãos e pés inchados
  • Queimação
  • Estrias
  • Coceira
  • Câimbra nas pernas e pés
  • Ondas de calor
  • Necessidade de urinar frequente
  • Falta de ar
  • Alterações de humor
  • Insônia
  • Contrações de Braxton Hicks

Lembre-se, todas as mulheres são diferentes e talvez você não sinta todos esses sintomas. Alguns sintomas da gravidez que às vezes preocupam as futuras-mamães podem ser:

Estrias: No sétimo mês de gravidez, sua barriga ficará maior a cada dia. Como resultado, talvez você fique com estrias em sua barriga, peitos, coxas e nádegas.

Em muitas mulheres, as estrias têm a aparência de linhas rosadas ou avermelhadas que aparecem na pele, mas depois do parto, elas geralmente vão desbotando com o tempo.

Uma dieta saudável durante a gravidez e o ganho de peso gradual e correto durante a gravidez podem ajudar reduzir a probabilidade do surgimento de estrias.

Coceiras: Conforme a pele estica, ela também pode coçar. Passe óleos ricos em vitamina E, ou hidratantes suaves e tome banho com água morna, pois a água muito quente tem um efeito de ressecamento da pele.

Sete Meses De Gravidez: Mudanças Por Dentro E Por Fora

O Desenvolvimento De Seu Bebê: Perto da 32a semana, o bebê normalmente se encaixa na posição cefálica em preparação para o parto e também começa a “descer”, pressionando sua bexiga (alguém aí com vontade de ir ao banheiro?). Esse movimento pode diminuir a pressão sobre seus pulmões, tornando a respiração mais fácil. Os ossos de seu bebê também começam a ficar mais rígidos.

Todavia, o crânio continua flexível, para que o bebê possa passar pelo canal vaginal com maior facilidade. As placas do crânio se sobrepõem durante o parto e por isso alguns bebês nascem com a cabeça em formato de cone. Não se preocupe – o formato da cabeça de seu bebê voltará ao normal dentro de alguns dias.

Mudanças Em Seu Corpo: Durante o sétimo mês de gravidez, o espaço começa a ficar apertado em seu útero e seu bebê talvez esteja se mexendo menos por causa disso. Porém, você ainda deve sentir alguns movimentos diariamente.

Seu centro gravitacional muda na medida em que a barriga cresce e talvez você sinta instabilidade sobre seus pés, então ande sem pressa. Conforme a barriga aumenta, talvez você não consiga mais se inclinar e seu modo de andar também pode mudar para apoiá-la.

Seus seios vão aumentar e ficar ainda mais pesados. As veias podem se tornar visíveis e a cor de seus mamilos, escurecer.

Lista Resumida Para O Sétimo Mês de Gravidez

  • Descanse: É importante descansar o máximo possível. Embora talvez você ache difícil dormir com a barriga cada vez maior, tente dormir de lado, ou com travesseiros para se apoiar, como um entre as pernas.
  • Leia sobre parto prematuro: Muitas futuras mamães se preocupam com o parto prematuro e podem, às vezes, confundi-lo com as contrações de Braxton Hicks. Para acalmar seus receios, talvez seja útil se familiarizar com os sinais de parto prematuro, que incluem cólica persistente ou contrações, manchas de sangue pequenas ou sangramento e dor na região lombar. Se estiver preocupada e achar que está em trabalho de parto prematuro, ou tiver perguntas sobre o que está sentindo, consulte seu médico.
  • Fale com pessoas queridas: Com todos os sintomas da gravidez e a sua mudança de forma, talvez você sinta que perdeu controle sobre seu corpo. É um momento cheio de emoções e esses sentimentos são normais. Tente descansar e relaxar, fale com pessoas queridas sobre como está se sentindo e lembre-se de que não falta muito para acabar.
  • Leia sobre as contrações de Braxton Hicks: Essas contrações de treinamento também são conhecidas como contrações “falsas” e talvez você as sinta em diversas ocasiões em seu terceiro trimestre.
  • Pense em nomes para dar a seu bebê: Talvez você já saiba o nome que vai dar a seu bebê, mas se não souber, experimente o Gerador de Nomes Para Bebês de Pampers, pois ele poderá ajudá-la a chegar ao nome perfeito para seu pequenino.
  • Registre-se para receber ainda mais dicas sobre gravidez.

Источник: https://www.pampers.com.br/gravidez/gravidez-semana-a-semana/setimo-mes-de-gravidez

7 meses de gestação: contamos vários segredos para você

O seu sétimo mês de gravidez

Todos os meses da gravidez fazem com que a mulher passe por mudanças, justamente porque tem um pequeno ser vivo se desenvolvendo bem ali, dentro dela. O fato é que todo mundo tenta dar palpites, dicas e informações sobre esse período — às vezes até demais.

No entanto, algumas coisas que acontecem aos 7 meses de gestação pouca gente conhece ou comenta. No texto de hoje separamos vários segredos que podem ajudar você a entender melhor e passar por essa fase com mais tranquilidade. Leia e confira!

Os desconfortos e dores são comuns

Com 7 meses de gestação você já ganhou sete quilos (ou mais), as pernas estão mais pesadas, há inchaço e retenção de líquidos que provocam desconforto e vários outros fatores que causam mal-estar.

As dores na coluna surgem, pois o corpo precisa se adaptar e adquirir equilíbrio e, para isso, fica com essa postura da barriga para frente e costas para trás. Apesar de não ser uma regra, os seios podem começar a vazar colostro.

Podem surgir as contrações de treinamento, além de congestão nasal, sensação de ouvido entupido e o aumento da umidade vaginal — conhecido como leucorreia.

Sentir azia, má digestão e gases também é natural, mas não tem nada relacionado à quantidade de cabelo que os bebês têm, como dizem por aí. Ela ocorre por conta do aumento do útero, que faz os órgãos se deslocarem e assim a digestão fica mais lenta. Hemorroidas podem aparecer. 

Dores de cabeça, desmaio, tontura, falta de ar e insônia também são frequentes. Mas, embora tudo isso seja comum, você não precisa sofrer sem fazer nada até esperar que passe.

Algumas medidas podem reduzir tais desconfortos e aliviar as dores. Converse com o médico sobre o que está sentindo para que ele possa ajudar. Cada gravidez é diferente e somente um profissional com acesso ao seu histórico de saúde e que acompanhe a gestação poderá dizer qual a melhor solução para cada caso.

No entanto, medidas simples como cuidar da alimentação, fazendo refeições pequenas, com pouco líquido, usar e abusar das frutas, legumes e verduras para tentar contornar a prisão de ventre, são boas alternativas.

Somando-se a isto fazer exercícios físicos leves (desde que autorizados pelo médico) e dormir com a postura correta (virada para o lado esquerdo com um travesseiro entre as pernas) ajudam bastante a reduzir esses desconfortos.

É comum sentir medo e ansiedade

Se você tem sentido angústia, tristeza e ansiedade, saiba que é natural. Seus hormônios estão como em uma montanha russa! Além disso, ser mãe é uma grande responsabilidade e são tantas coisas para pensar e tantas mudanças na vida e no corpo, que a autoestima pode ficar prejudicada e esses sentimentos podem acabar surgindo.

Para que eles não afetem sua gestação, tente se distrair, planejando o chá de bebê, comprando as roupinhas ou o enxoval ou faça qualquer outra atividade que lhe ajude a ficar mais contente.

Você também pode conversar com amigos, familiares e até um profissional. Com certeza desabafar pode ajudar a ver que, às vezes, algo que parece ser muito complicado e impossível, pode ser resolvido com o tempo.

Ah! E não sinta culpa com relação a estes sentimentos negativos. Eles são comuns, mas a maioria das pessoas não comenta.

O bebê se desenvolve bastante nesse período

Com 7 meses de gestação seu bebê já pesa mais ou menos um quilo. O cérebro está se desenvolvendo e o sistema nervoso está quase completo. Ele já consegue escutar as vozes ao lado de fora da barriga, assim como música.

Os olhos se abrem e ele consegue enxergar luzes do ambiente externo e seu paladar começa a se desenvolver.

Os 7 meses de gravidez é marcado pelo estabelecimento do padrão do sono e vigília. Isto é, a partir da 28ª semana, o bebê já acorda e dorme quando deseja, e tem uma aparência menos enrugada porque começa a acumular gordura debaixo da pele. Também nesta fase, o feto bebe o líquido amniótico e acumula as fezes no intestino, ajudando a construir o mecônio.

Ele já está quase pronto para vir ao mundo!

Roupas confortáveis são mais do que necessárias

Uma das formas de sentir-se melhor nesse período é investindo em roupas confortáveis. A circulação já estará comprometida e o uso de roupas justas ou apertadas pode causar o aparecimento de vasinhos, inchaços e estrias.

Além do mais, embora não sejam comuns, os danos aos bebês também são possíveis, por conta da compressão da barriga, que está bem grande. Sendo assim, adeque seu guarda-roupa e use peças confortáveis.

Isso não quer dizer que você precise abrir mão de todas as peças que tem justamente aos 7 meses de gestação. Algumas delas podem ser adaptadas.

A Mammybelt tem um kit com extensores e faixas que ajudam a adaptar as calças que você já tem aí no guarda-roupa. Mas só para as calças mais larguinhas, ok? Venha ver!

Источник: https://blog.mammybelt.com.br/7-meses-de-gestacao-segredos/

Embarazo saludable
Deja una respuesta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: